20°C 15°C

São Paulo, SP

18°C 13°C

Curitiba, PR

25°C 19°C

Belo Horizonte, MG

28°C 20°C

Rio de Janeiro, RJ

25°C 13°C

Porto Alegre, RS

32°C 24°C

Salvador, BA

Quarta-feira, 17 de Outubro de 2018 - 19h20

4 alimentos que ajudam a combater o estresse

Redação Mundo Positivo

Foto: Reprodução/Divulgação


Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o estresse atinge 90% da população mundial. No Brasil, 70% das pessoas sofrem com esse mal. Apesar de muito comum, é necessário cuidado, pois a condição pode levar a uma série de doenças como câncer, depressão, diabetes, transtornos alimentares e hipertensão.


De acordo com Ione Leandro, nutricionista da Onodera Estética, um grande aliado no combate ao estresse é a alimentação. “Dentre os aminoácidos mais importantes para o bom funcionamento do organismo está o triptofano. Quando alimentos ricos nessa substância entram na corrente sanguínea, são transportados para o cérebro e o trato gastrointestinal se encarrega de produzir a serotonina, hormônio responsável pela sensação de bem-estar”. 


Abaixo, a nutricionista separou outros alimentos que, além do Triptofano, contêm vitaminas e minerais importantes para combater o estresse.


Banana

A fruta é rica em triptofano, Vitamina B6, Magnésio e Potássio, nutrientes que estimulam a produção de serotonina e ajudam a diminuir ansiedade e irritação.


Folhas verde-escuras

A deficiência de ácido fólico, presente na couve, brócolis e espinafre, pode provocar depressão. Procure consumir de duas a três porções por semana.

 

Frutas cítricas

A vitamina C presente nas frutas cítricas reduz a secreção de cortisol, hormônio liberado pela em resposta ao estresse e à ansiedade. Seu consumo promove o bom funcionamento do sistema nervoso e aumentam a sensação de bem-estar.

 

Chocolate

O cacau presente no chocolate é rico em antioxidante e aminoácidos percussores de serotonina. “Quanto mais cacau compor a fórmula do alimento, mais saudável ele é. Portanto, opte pelo amargo ou meio amargo e evite os chocolates brancos e ao leite, que são repletos de açúcar, aditivos e gordura hidrogenada. É recomendado de 25 a 30 gr dessa delicia diariamente", finaliza Ione.



publicidade:

publicidade:

publicidade: